Crie uma reserva de emergência

Saber economizar e se organizar financeiramente, é de extrema importância para quem pensa em projetos futuros, como a compra do apartamento próprio. Interessante também é sempre ter uma reserva de emergência para qualquer eventualidade. Para isso, alguns passos são importantes:

Registre as receitas e despesas

Faça uma planilha detalhada dos últimos meses, com as despesas e com as receitas líquidas (já descontados os impostos) da família.

Gastos importantes e excessivos

Junto com os familiares, faça uma lista de todos os gastos, separando o que é importante e o que pode ser retirado do dia-a-dia, para assim fazer os cortes necessários.

Valor a ser poupado

Com aqueles cortes feitos dos excessos e que não tem tanta importância, e economizando em alguns gastos mensais, é possível começar a poupar.  Escolha um valor mensal ou uma porcentagem da renda familiar para guardar.  Mesmo que o valor seja pequeno, é importante começar a adquirir esse hábito.

Escolha dos investimentos

Essa é uma das grandes dúvidas dos poupadores: de que forma vou organizar e investir esse dinheiro economizado?

Uns preferem colocar na poupança, outros, em algum fundo de investimento. Você precisa saber qual é o seu perfil de investidor e tomar a decisão. Consulte o seu gerente de banco para mais informações.