• modelo de guarda roupa

Como escolher o modelo de guarda-roupa ideal? Conheça os principais tipos

Escolher um modelo de guarda-roupa muitas vezes não é uma tarefa fácil, certo? Afinal, existem diferentes modelos disponíveis no mercado e, ainda, é preciso considerar as particularidades de cada local, como o estilo de decoração do ambiente e o espaço disponível.

Por essa razão, o guarda-roupa planejado costuma ser a melhor opção, uma vez que, dessa forma, é possível fazer um móvel totalmente personalizado para o ambiente e de acordo com o seu gosto.

Tem interesse pelo tema e deseja descobrir como escolher o modelo de guarda-roupa ideal e o que é preciso considerar no momento de fazer a sua escolha? Então continue a leitura deste post que vamos mostrar todos os detalhes sobre o tema. Não perca!

Como otimizar os espaços?

Otimizar espaços ao escolher um guarda-roupa é fundamental, especialmente para quem mora em apartamento pequeno, pois assim se torna possível aproveitar o espaço disponível da melhor forma.

Por isso, o primeiro passo deve ser considerar o espaço disponível para decidir qual parede usar para a instalação do móvel. Nesse momento, o ideal é considerar os demais itens do quarto e suas respectivas localizações, como a cama, a porta de entrada e a escrivaninha.

Para não deixar o ambiente apertado, existem algumas alternativas básicas, como colocar o guarda-roupa em frente à cama ou ao lado, a fim de otimizar o espaço. Ao escolher o local em que o guarda-roupa vai ficar, é importante medi-lo com cuidado para descobrir quais são as dimensões máximas que o seu móvel pode ter.

Como escolher o tamanho do guarda-roupa?

Para escolher o tamanho do guarda-roupa ideal, é preciso considerar alguns fatores, como a quantidade de roupas que você tem. Afinal, não adianta comprar um móvel pequeno com o intuito de ganhar espaço no quarto para no final as suas roupas não caberem dentro dele.

Também é preciso considerar quantas pessoas usarão o guarda-roupa e o perfil dos indivíduos, pois modelos diferentes devem ser adotados para um adulto solteiro, um casal ou uma criança, por exemplo. A depender desses fatores, pode ser necessário optar por um guarda-roupa maior ou menor.

Em geral, móveis para casais precisam de mais espaço, sendo que, nesse caso, o modelo mais recomendado é o de seis portas. Já os modelos mais compactos, de duas portas, são individuais, e os de quatro portas são ótimos para pessoas que pretendem usar o móvel apenas para armazenar roupas e, portanto, dispensam locais para roupas de cama e acessórios.

Quais cuidados adotar na hora de encomendar o guarda-roupa?

No momento de escolher o modelo de guarda-roupa ideal, existem diversos fatores a serem considerados. A seguir, vamos apresentar alguns cuidados essenciais que devem ser adotados!

Calcule o espaço disponível

Inicialmente, é preciso anotar as medidas do ambiente, ou seja, tanto a parede em que o guarda-roupa vai ficar, quanto o espaço do piso ao teto e de um lado até o outro. Essa medida é importante porque é o espaço disponível que determina o tamanho do móvel e o seu número de portas.

Entenda a qualidade da madeira

Também é preciso entender a qualidade da madeira no momento de escolher o móvel, especialmente no caso de guarda-roupa planejado, que é um item que deve durar por muitos anos.

Em geral, as peças em madeira maciça, além de serem mais resistentes, também podem ser pintadas com diferentes cores de tinta. Já os derivados de madeira, como o MDP, são opções mais baratas e que contam com uma camada de laminado melamínico, que pode ser colorido ou imitar a aparência da madeira.

Separe modelos adequados

Existem inúmeros modelos de guarda-roupa, e que cada ambiente tem os que são mais adequados para tal. Entre as opções disponíveis para casais, por exemplo, podemos destacar os modelos que aproveitam até os espaços em cima da cama.

Já as opções com espelhos nas portas são perfeitas para pessoas que desejam dar amplitude ao ambiente, pois eles dão a sensação de que o quarto é maior. Além disso, quanto mais divisórias, mais organizados ficam os itens dentro do armário.

As cores do guarda-roupa também influenciam na decoração. De maneira geral, as opções brancas atuam como coringas, pois combinam com tudo. Já os modelos com acabamento em madeira deixam o ambiente mais aconchegante, os móveis mais escuros e, por sua vez, concedem personalidade ao quarto.

Como organizar as peças?

A organização das peças deve considerar o perfil da pessoa que vai utilizar o guarda-roupa, assim como a quantidade de itens que ela tem e pretende guardar no móvel.

Dependendo de quem vai utilizar o móvel, as gavetas podem ser mais relevantes do que as prateleiras. Em geral, elas são melhores para organizar as peças, enquanto as prateleiras são ideais para pessoas que querem ter uma visão das roupas sem ser preciso abrir gavetas.

Já os espaços com cabideiros são os mais indicados para peças que amassam com facilidade, pois elas ficam esticadas. Entretanto, eles não são recomendados, por exemplo, para as roupas de lã e tricô, pois esse tipo de tecido pode ficar deformado quando pendurado em cabides.

Quais são os benefícios de um guarda-roupa planejado?

Investir em um guarda-roupa planejado conta com diversas vantagens que vão desde um design exclusivo até o melhor aproveitamento dos espaços disponíveis. A seguir, vamos apresentar alguns dos benefícios desse tipo de móvel!

Ajuda a otimizar espaço

Com um guarda-roupa planejado é possível fazer com que a sua largura ou altura ocupe a parede inteira para otimizar o espaço. Também é possível optar por portas de correr que deixam o ambiente livre para transitar.

A realidade é que os móveis planejados são capazes de se adequar às suas necessidades, pois é possível escolher, por exemplo, a quantidade de prateleiras, cabideiros, gavetas e nichos com base em suas peças de roupa.

Tem um bom custo-benefício

Um guarda-roupa planejado é feito para durar por longos períodos. Por isso, apresenta um excelente custo-benefício, especialmente para quem mora em casa própria, pois o móvel deve acompanhá-lo por muitos anos.

Dá a possibilidade de personalização

O guarda-roupa planejado pode ser feito do jeito que você quiser. Portanto, é possível expressar a sua personalidade na peça, por exemplo, ou optar por um modelo que combine com a decoração do dormitório.

Ou seja, por ser um item planejado, o guarda-roupa é feito com base em seu gosto pessoal, sendo possível fazer com que as suas cores e acabamentos carreguem um pouco de você e dos seus gostos.

Agora que você já sabe como escolher o modelo de guarda-roupa ideal, coloque as nossas dicas em prática para não errar no momento de encomendá-lo. Lembre sempre que cada canto desse móvel deve ser feito para atender às suas necessidades e os seus gostos, especialmente no caso de um guarda roupa planejado.

Gostou das nossas dicas? Então compartilhe este post em suas redes sociais para que outras pessoas também descubram como escolher o modelo de guarda-roupa ideal!