• limpeza da casa

Limpeza da casa: como organizar uma rotina?

Os brasileiros sempre tiveram a fama de ser um povo adepto aos cuidados com a higiene, tanto no que diz respeito à pessoal quanto da residência. Mas a pandemia do coronavírus fez com que a preocupação quanto à limpeza da casa se intensificasse durante esse período. Com isso, as medidas de limpeza se tornaram rigorosas, levando mais tempo para serem executadas. Ainda bem que, com as dicas certas, é possível otimizar a rotina de tarefas domésticas sem perder tempo nem se sobrecarregar.

Neste post, mostramos como manter sua casa mais limpa por mais tempo. Caso queira facilitar sua vida, não deixe de ler antes da próxima faxina!

Mantenha a sua casa limpa por mais tempo. Conheça os hábitos indicados!

O segredo para fazer a limpeza da casa durar mais é limpá-la todos os dias um pouquinho. Acredite: por mais chato que possa parecer, aos poucos, a manutenção diária se torna parte da rotina familiar.

Quer saber como? Confira alguns hábitos de limpeza que devem ser mantidos todos os dias!

Não acumule louça suja

Lave a louça após cada refeição. Para ninguém ficar sobrecarregado, a tarefa pode ser dividida entre os moradores. Com a devida orientação, até as crianças maiores podem ajudar.

Varra a casa diariamente

Você pode usar uma vassoura ou passar o aspirador de pó (trocando os bocais para alcançar todos os cantinhos). Para quem quer ainda mais praticidade, existem os robôs aspiradores — cada vez mais em alta. Esses serviçais tecnológicos podem dar uma mão e tanto em dias mais corridos!

Evite a poeira acumulada

Tirar a poeira é importante não apenas para manter a limpeza da casa em dia, mas também para evitar alergias respiratórias. Todos os dias, passe um pano (ligeiramente umedecido) sobre os móveis e objetos decorativos.

Isso não apenas evita que o pó se acumule, como ajuda a conservá-los como novos por mais tempo. No caso dos eletrodomésticos, basta passar uma flanela de microfibra limpa e seca ou seguir as orientações dos fabricantes.

Dificulte a entrada da sujeira

Além de conter uma mensagem de boas-vindas, o capacho é ótimo para reter a sujeira presente nas solas dos calçados. Mas além dele, vale a pena colocar um pano úmido (com uma solução sanitizante) na porta. Dessa forma, a chance de microrganismos causadores de doenças entrarem no lar diminui.

Outra possibilidade: se preferir, crie o hábito de tirar os sapatos antes de entrar. Existem sapateiras lindas (que, inclusive, funcionam como banco), ideais para organizar os calçados de sair e os de uso interno.

Entenda como otimizar a sua faxina. Confira as dicas!

Com a casa melhor conservada, não é preciso reservar um dia inteiro (geralmente, o sábado ou o domingo) para se dedicar à faxina. Bastam algumas horas e seu lar estará impecável.

No entanto, para quem deixa a sujeira e a bagunça acumularem ao longo da semana, o dia da limpeza acaba sendo bem mais desgastante. Para não cair nessa furada, veja como otimizar a sua faxina!

Não desperdice água e produtos

Além do prejuízo financeiro, o excesso de produtos pode prejudicar as superfícies. Em relação ao desperdício de água, o impacto também é sentido na conta. Além disso, economizar água tratada é um papel de toda a sociedade, sendo uma maneira inteligente de prevenir futuros racionamentos.

Evite a formação de bagunça

A arrumação também faz parte dos cuidados com a casa e com a família. Ambientes bagunçados ou abarrotados de coisas não apenas dificultam a realização da limpeza, como comprometem a sensação de bem-estar que um lar deve prover.

A melhor forma de prevenir a desordem é evitar os “focos de bagunça”. Dessa forma, arrume a cama ao acordar todos os dias e, ao término de uma atividade, guarde tudo o que foi usado no local certo.

Faça uma checklist antes de começar a limpar

Estar com as mãos na massa e ficar sem um determinado produto de limpeza ou utensílio (esponja, pano etc.) é irritante. Antes de começar a limpar, veja se não está faltando nada.

Em tempos de Covid-19, opte por produtos que matem o coronavírus. Se a superfície a ser desinfetada permitir, use uma solução de água sanitária dissolvida em água ou álcool líquido 70º — na dúvida, confira as indicações no rótulo.

Programe a limpeza pesada periodicamente

De tempos em tempos, é preciso limpar os móveis (guarda-roupas, armários, cômodas etc.) por dentro, lavar os azulejos de cima abaixo e dar aquele trato nas portas e janelas. Sem falar na limpeza do forno e da parte interna da geladeira.

Para não deixar passar muito tempo entre uma faxina e outra, programe a limpeza pesada periodicamente. Se possível, faça uma vez por mês.

Crie um cronograma de limpeza. Veja a sugestão semanal!

Uma das maiores ciladas na limpeza da casa é não definir por qual cômodo começar. Isso faz com que tudo fique de pernas pro ar, dificultando o processo e tornando-o mais estressante.

Para evitar o problema, crie um cronograma da limpeza (divisão de tarefas pelos dias da semana) e eleja um tipo de cômodo para receber uma limpeza mais caprichada por dia. O exemplo abaixo pode ser seguido à risca ou personalizado conforme preferir:

  • às segundas-feiras pode ser o dia de lavar as roupas de cama e passar um pano no chão dos quartos;
  • às terças, o dia de cuidar do quintal da casa ou da varanda do apartamento;
  • às quartas, de lavar o piso, as louças sanitárias e box dos banheiros;
  • às quintas, de limpar o piso e os eletrodomésticos (fogão, coifa, micro-ondas, geladeira e equipamentos menores) da cozinha;
  • às sextas, de passar o aspirador de pó no sofá e no tapete, lustrar os móveis, limpar os objetos decorativos e o chão e deixar a sala impecável para curtir o fim de semana.

Adotar essa estratégia torna a limpeza da casa mais eficiente e menos cansativa. Com ela, você conseguirá manter o lar limpo e bem arrumado, o que impacta, diretamente, no bem-estar e na saúde da família. Ao mesmo tempo, trata-se de uma maneira eficiente para combater a procrastinação e conseguir mais tempo livre para se dedicar ao que realmente importa!

Esperamos que este post tenha sido útil. Aproveitando, deixe seu comentário e conte para a gente o que achou!