• As vantagens de comprar um apartamento na planta

As vantagens de comprar um apartamento na planta

A compra do apartamento é um dos passos mais importantes na vida das pessoas. Muito planejamento é feito antes de se tomar essa grande decisão. E, no caso de imóvel na planta, é uma grande oportunidade de investimento futuro.

São inúmeras as vantagens que devem ser consideradas. A valorização do imóvel, a médio e longo prazo depois que estiver pronto, é o principal destaque. Outro ponto a ser levado em questão são as boas condições de pagamento, principalmente no caso do programa MCMV, em que se pode usar o FGTS e juntar a renda familiar de até 3 pessoas para conquistar a casa própria dos sonhos.

Ainda nessa seara das condições de pagamento, na maioria das vezes, a pessoa pode pagar cerca de 30% do valor do imóvel até a entrega das chaves e, então, dividir o restante em algumas parcelas com a própria empresa ou por meio de um financiamento em uma instituição bancária. E, caso você não tenha conseguido juntar o dinheiro para dar entrada, ela também pode ser parcelada até o final da obra, por exemplo.

Fora a personalização do imóvel e o ganho no tempo com a mudança. Com ele na planta, você pode ter a oportunidade de, quando estiver pronto, escolher todos os detalhes e adaptar as suas necessidades dentro das opções da construtora. Além disso, ao saber quando você receberá suas chaves, você ganha mais tempo para o planejamento da sua mudança, o que pode transformar um processo difícil em algo muito mais tranquilo e organizado.

Há ainda a segurança com a documentação. Muitos são os casos de pessoas que enfrentam problemas na documentação ao tentar comprar imóveis antigos, sejam eles questões com inventários ou até mesmo documentação irregular ou incompleta. Ao comprar seu apartamento na planta, você evita possíveis problemas de uso com donos anteriores e tem muito mais facilidade com a documentação completa e sem falhas.

 

Pensando em sair do aluguel?
Conheça os empreendimentos da Direcional e realize o sonho da casa própria.

Fonte: VivaReal